Descanso ativo para intervalos entre sessões de treinamentos (dias).

without comments

É importante falar também que existe o descanso ativo entre os dias de treinamento. O que seria isso afinal? Ao invés de esticar as pernas pro alto e ficar assistindo tv, procure fazer um exercício leve, mas tem que ser leve mesmo! Não pode mudar de ideia durante o exercício e puxar para moderado ou puxado, afinal, no dia subsequente você terá que puxar os treinos intensos novamente.

Fiz 2 treinos seguidos: segunda e terça. Intensidade alta e não houve descanso entre os dias, porém, na quarta-feira a ideia era descansar por completo ou fazer uma atividade física leve, muito leve. Uma dica é pegar a bike e dar uma voltinha bem sossegado. Sempre treino em parques, então nos parques com infra-estrutura melhorada sempre tem alguém alugando bikes, caso você não tenha a sua própria.

O aluguel de bike no Parque Ibirapuera em São Paulo custa apenas R$ 5,00/Hora, então é uma boa pedida para remover o ácido lático do músculo que ficou armazenado decorrente dos treinos dos dias anteriores. É uma ótima forma de se recuperar para os demais treinos e você não precisa ficar sem fazer nada.

Vale ainda praticar algum esporte coletivo como Futebol, Vôlei ou Basquete, por exemplo, mas não se empolgue e apenas brinque!


Written by Felippe Maranhao

July 3rd, 2014 at 6:52 pm

Posted in Bem-Estar,Saúde

Qual é a quilometragem mínima semanal para treinar para 21k?

without comments

Durante toda a periodização é necessário estabelecer uma quilometragem mínima semanal para realizar uma meia-maratona confortavelmente. Se você não sabia disso, entenda que isso é primordial para programar séries de treinamentos de corrida.

Esqueça que de agora em diante você deverá treinar pensando de forma singular, digo, “o importante é realizar esse treino e amanhã eu penso em algo diferente…”. Esse pensamento está totalmente equivocado porque é necessário realizar o treino de hoje pensando no treino de amanhã e assim sucessivamente.

Por isso deve-se montar as séries de treinamento por semana, ou seja, ao invés de correr 15k em um único dia (única sessão de treinamento), divida-o em 3 sessões na semana e faça 5k em cada sessão. De acordo com o upgrade do condicionamento físico, é possível aumentar a quilometragem simultaneamente em cada sessão isolada e aumentar o volume aos poucos semana após semana.

Para ser mais direto, a base do volume de treino para uma prova de 21k para iniciantes na quilometragem é de 25k/semana. É a partir dessa metragem que podemos trabalhar os ciclos de treinamento e não diminuir esse volume o(a) tornará apto(a) a terminar uma meia-maratona sem se matar. Faça um programa de treinamento de 12 semanas com diferentes tipos de estímulos: força e resistência.

Se você já for um(a) corredor(a) experiente nessa prova e quer melhorar seu tempo, siga a mesma filosofia e aumenta gradativamente o volume já trabalhado de acordo com seu condicionamento físico atual.


Written by Felippe Maranhao

June 23rd, 2014 at 10:31 am

Posted in Corrida

Exercícios educativos para corredores: Avanço.

without comments

Na periodização para os 21k existe os exercícios educativos que estão inseridos nas sessões de treinamento de carga de choque. Nessas sessões faremos treinos de cargas elevadas para fortalecer nossos músculos e otimizar a velocidade na corrida (até mesmo melhorar o desempenho na resistência, mas com uma relação menor à de força).

Percebo há anos que a inclusão dos exercícios educativos é fundamental para o corredor no sentido de educar sua postura na corrida, afinal, se há uma postura correta em termos de passadas (cadência), ritmo e experiência do corredor na melhor estratégia para finalizar um treino ou prova, é um fato que este mesmo corredor terá menor incidência em se lesionar do que o outro corredor que não se preocupar com sua saúde corporal.

Deixa eu tentar explicar o que pode ter ficado confuso acima: O treinamento somente de resistência cardiorrespiratório (grande volume e pouca intensidade) provocará a longo prazo lesões decorrentes ao sobrecarregamento da parte Biomecânica do corpo, ou seja, não adianta só treinar a Fisiologia do corpo (coração, pulmão, etc), mas fortalecer e treinar os músculos e proteger as articulações para aguentar sua capacidade biomecânica e consequentemente fisiológica.

De imediato a musculação é o mais indicado, porém podemos acrescentar exercícios nas sessões de treinamento com exercícios educativos que fortaleçam esses músculos que são fundamentais para sua saúde e longevidade como corredor.

Um exemplo clássico é o Avanço (imagem acima): Pode ser feito de forma “estática” ou deslocando-se por uma determinada metragem ou número de avanços (passadas). Ele ajuda na organização da postura do corredor e sua prática exercita regiões do mesmo músculo que utilizamos na corrida, mas não atingimos na corrida por tratar-se de um estímulo diferenciado. Neste caso, trabalha-se o mesmo músculo em regiões diferentes (fibras musculares diferentes). Ganha-se força e o protege de futuras lesões.

É apenas uma em dezenas e centenas de exercícios que podem ser executados, e que no meu ponto de vista é essencial para cada um de nós corredores.


Written by Felippe Maranhao

June 21st, 2014 at 10:30 am

As 6 Maiores Maratonas do Mundo: #BerlinMarathon.

without comments

Agora é a vez de Berlim! Criada em 1974, ainda com a existência do famoso muro de Berlim que dividia a cidade em lado Ocidental e Oriental, era disputada no lado Ocidental e praticamente o percurso era todo dentro da floresta Grunewald, que está em torno da famosa largada da prova.

É especial porque sua largada é exatamente em frente do portão de Brandemburgo, então é um cenário histórico. Para mim só o fato da largada e chegada acontecer no portão de Brandemburgo já é um motivo de tirar a melhor foto de provas em que competimos e colocá-la na parede do escritório. Sensacional!

É disputada em percurso plano (talvez o mais plano de todas as outras 6 maratonas), aberto para o público em geral (profissionais e amadores) e está entre as maratonas do World Marathon Majors, assim como as demais que escrevi e escreverei aqui.

É atualmente disputada no mês de Setembro, então fica um pouco difícil de conciliar duas maratonas no mesmo ano como a de Berlim e Nova Iorque, por exemplo. Mas vamos combinar que fazendo a maratona de Berlim não há a menor necessidade de fazer outra com este quilate no ano, afinal, é única! Correr nas ruas da histórica Berlim não é pra qualquer um!

Patrocinada pela BMW, prepare-se para se inscrever e correr neste ano no dia 28/Set. Faça sua inscrição diretamente pelo site e compre suas passagens. Acesse o site e veja todas as informações necessárias: http://www.bmw-berlin-marathon.com/


Written by Felippe Maranhao

June 14th, 2014 at 10:58 am

Posted in Corrida,Guia Fitness

Semana de treinamento de choque (C): melhorando a velocidade.

without comments

Chegou a primeira semana de choque. Descrito na periodização como (C), esta é a hora em que treinamos para melhorar nossa velocidade na corrida. Tenho corrido por muito tempo com um volume alto, mas a velocidade está estagnada e, na minha opinião muito abaixo do que já corri um dia.

Quando jogava futebol a performance na corrida era melhor quando se tratava de velocidade. Isso acontecia porque durante os jogos de futebol eu dava vários tiros para fazer uma determinada jogada como atacar ou até mesmo para correr atrás do atacante enquanto estava na defesa. Esses tiros eram curtos e de alta velocidade, aumentando a frequência cardíaca até 85% da minha capacidade e recrutava as fibras brancas dos músculos que caracterizam a força.

É importante você saber que…

Cargas de treinamentos são determinadas pela % em que é empregada:

- Ordinário: 60-69%;

- Choque: 80-89%;

- Recuperativo: 50-59%.

Após anos sem jogar bola e somente correr, fui me tornando destreinado em relação à força muscular e otimizando apenas as fibras vermelhas, que são caracterizadas para resistência. Senti muita falta dessa força durante algumas provas que participei, então sempre tive em mente que deveria fazer séries de treinamentos de força para recuperá-la.

Como fazemos?

Determine uma série de tiros de 50m, por exemplo. Faço séries de 8-10 tiros de 50m em alta velocidade (o máximo que eu consigo correr) e faço pausas de até 1′ (minuto) para retomar para o próximo tiro. Normalmente o tempo de descanso é o percurso de volta do percorrido em alta velocidade, ou seja, uma pausa ativa para seguir com a série. Hoje mesmo fiz 8 tiros de 50m que faz parte da semana de choque da minha periodização. É interessante acrescentar alguns exercícios educativos na sessão de treinamento ou fazer uma leve corrida ao final da sessão de tiros (correr de 3 a 5k).

Logo após a semana de choque, farei uma série de recuperação ou com possibilidade de até 1 semana (caso a semana seja composta por até 2 sessões de treinamento) para retomar uma nova fase de treinamento, conforme o objetivo do corredor.

A partir de agora não deixe de acrescentar as cargas de choque em sua periodização. Isso fará muita diferença em sua performance e conforto na hora da prova.


Written by Felippe Maranhao

June 9th, 2014 at 11:09 pm

#Polar V800 para triathlon.

without comments

A Polar finalmente se mexeu e resolveu fazer o seu top de linha para concorrer com o Garmin Forerunner 910XT. Quem faz as competições de corrida de rua pelo Brasil e pelo mundo sabe que o relógio da moda é o Garmin, por ter um diversidade de operações e sua capacidade de captar os sinais de GPS muito rápido, entre tantas outras coisas. E o Polar estava ficando para trás no modelo concorrente direto! Portanto, eu vi nessa semana (não sei quanto tempo já está no mercado) o V800 e fiquei muito empolgado por saber que agora o Garmin tem com quem brigar. Já até ouvi falar que o Polar tornou-se novamente o carro-chefe da modalidade de equipamento.

Não vi nada ainda de suas funções, mas como diz sua propaganda, é um relógio para triathlon. Funções de corrida, ciclismo e natação. Estou ansioso para estudá-lo e fazer o comparativo entre o Garmin e o Polar aqui no blog, então verei o que cada um dos dois têm para oferecer de funcionalidade, além de custo/benefício (li que o Polar está em torno de £ 350 – Libras, ou seja, concorrendo com o preço de $500 – dólares americanos, o Polar está saindo mais caro que o Garmin).

Existe o aplicativo do Polar para smartphones, mas é preciso saber se ele será cobrado assim como o aplicativo do Garmin é. Enfim, várias informações técnicas e de suporte que devem ser apuradas e, para que seja possível fazer uma análise minuciosa dos fabricantes e saber qual é o melhor relógio/GPS.

De qualquer forma, mesmo se houver um modelo melhor que o outro em números, sempre haverá os “Garmin-Devoted” e os “Polar-Devoted” que preferirá determinado fabricante porque se adapta melhor ao seu sistema operacional. Um exemplo perfeito disso são aqueles que preferem Samsung-Windows/Android ao invés de Apple, e vice-versa. Não há um sistema absoluto, mas há quem se adapte melhor à ele.

E nós triatletas, corredores, ciclistas e nadadores? Saimos ganhando mais uma vez com a tecnologia avançada!


Written by Felippe Maranhao

June 7th, 2014 at 12:15 pm

Posted in Tecnologia,Triathlon

Esboço da periodização de 3 meses para 21k.

without comments

Enfim, agora vocês finalmente sabem o que é uma periodização! É uma tabela como esta acima onde estruturamos as sessões de treinamento previamente para otimizar nossas capacidades físicas. Vou tentar explicar aqui o que eu fiz para mim mesmo e o que você pode fazer para chegar à longas distâncias em corridas.

Em primeiro lugar e o que sempre falo para meus alunos ou amigos é: “…vamos correr uma prova daqui há uns 2 meses para que possamos trabalhar em cima de períodos de treinamentos…” É a melhor forma de se auto-disciplinar nos treinamentos (assiduidade) e ver um resultado fisiológico e psicológico.

Parti deste princípio para mim mesmo e datei os 3 meses que tenho para a prova de 21k no Rio de Janeiro. Estou treinando, mas estou estagnado entre os 10k e 13k. Para isso tive que acrescentar os ciclos de treinamentos conhecido como CHOQUE: caracterizado por elevações súbitas das exigências do treinamento. Coloquei-os entre treinamentos ORDINÁRIOS, ESTABILIZADORES, PRÉ-COMPETIÇÃO e RECUPERATIVO.

Nestes ciclos todos eu posso trabalhar treinos comuns (daqueles que tenho realizado ultimamente), treinos de força e resistência, recuperativos para minimizar os “impactos” no corpo dos treinos intensos e treinos estabilizadores e pré-competitivo para parear com a distância e condições diversas do evento foco.

Lembrando que o início da periodização sempre começa com um volume de treino grande (sessões mais longas) e no decorrer da periodização deve-se diminuir o volume e aumentar a intensidade, caracterizando o período de pico de treinamento, para assim, aumentar o volume gradativamente e equalizar a intensidade conforme a individualidade biológica do indivíduo, ou seja, a minha!


Written by Felippe Maranhao

June 4th, 2014 at 10:55 pm

Início da periodização de treinamento de corrida para competição de 21k.

without comments

Já falei diversas vezes aqui sobre a importância da periodização do treinamentos para uma determinada competição. Ficar na teoria torna tudo muito maçante, portanto, eu começarei a minha periodização de 3 meses para a Meia Maratona Internacional do Rio no dia 31/08 e colocarei passo-a-passo o que está sendo trabalhado dividido por ciclos de treinamentos semanais.

A primeira coisa que tive que fazer é colocar em uma folha de papel (não no Word) as datas corretamente dos treinos a serem realizados dividindo-os pelas semanas nos meses de Jun/Jul/Ago. São 2 treinos por semana que dividi por sessões de treinamento de microciclos: Ordinário (O), Choque (C), Estabilizador (E) e Recuperativo (R). Tudo isso eu vou explicar quando fizer a minha planilha no Excel e colar aqui uma imagem demonstrando-a e explicando sucessivamente.

Tudo isso montado com bases científicas retiradas de artigos científicos, livros, etc. Entre um dos autores que estou pegando base é o super conceituado treinador de corrida e professor de ensino superior Artur Monteiro. Tive a oportunidade de estudar com ele e hoje leio seus livros de própria autoria e/ou colaborativo.

É um trabalho muito complexo e que exige disciplina do atleta e responsabilidade do treinador, então decidi realizar o meu próprio ciclo de treinamento, mensurando assim a intensidade e volume que aplicarei para os meus treinamentos e otimizando meus trabalhos como treinador dando um feedback à mim mesmo.

Coloquei ainda um logo no ProRunning Play (App da ProRunning) que você poderá identificar de imediato o link/ícone de progresso de periodização.

Quinta-feira agora já inicia os ciclos de treinamentos e amanhã explico um pouco de como podemos ler a planilha que postarei aqui. Gostaria de atentá-los que os ciclos de treinamentos (macrociclos/mesociclos/microciclos) são considerados simples. Para maiores distâncias é necessário um estudo de acordo com o indivíduo que realizará a competição, assim como sua rotina e todas as infos do atleta.


Written by Felippe Maranhao

June 2nd, 2014 at 10:59 pm

Posted in Corrida

ProRunning Play: baixe grátis o aplicativo e escute músicas, veja vídeos e muito mais!

without comments

Agora em nosso aplicativo é possível ver vídeos e escutar música diretamente de seu celular. A intenção é fazer do aplicativo um acessório para as sessões de treinamento dando dicas de sons e mostrando vídeos de diferentes tipos de treinos que podem ser agregados aos treinos de corrida, ciclismo e natação.

Tive a ideia de colocar o nome Play porque há novas ferramentas que podemos reproduzir dentro do aplicativo. Coloquei no logo os elementos coloridos porque representa os ícones do aplicativo. Uma simples brincadeira de época de curso técnico de publicidade, mas que é um hobby que trouxe pra vida. Acho que isso facilita também na navegação e identificação dos serviços que quero prestar.

Sempre tento pensar em duas situações: Como eu esportista gostaria de ver um serviço online em prol dos esportes e como gosto de administrar os serviços de assessoria facilitando ao máximo a minha vida e a dos alunos.

Juntando tudo isso, disponibilizo tudo grátis porque o que é interessante na net hoje é praticamente tudo grátis, portanto, divirtam-se e me deem sugestões para aprimorá-lo.

Clique no link na barra de ferramentas lateral do blog e acesse o site para fazer o download do aplicativo em seu smartphone. Assim que você entrar na página o download se iniciará automaticamente.


Written by Felippe Maranhao

May 24th, 2014 at 2:24 am

Vídeo de “O Rei da Montanha”.

without comments

Foto: Flávio, Marco e eu.

Foi divulgado hoje o vídeo da organizadora do que foi o evento “O Rei da Montanha – 1ª Etapa” em Sabaúna. Ainda quero relembrar que a organização errou em momentos cruciais da prova, como o acréscimo de 3k para os participantes do percurso de 14k e não houve pontos de hidratação satisfatórios como prometido antes da largada.

Em contrapartida, não podemos minimizar o restante do evento (a parte que deu certo) e enfatizar que a corrida foi mais uma promoção da esporte e saúde. Tive a oportunidade de correr com dois novos companheiros de provas, sendo um deles iniciante em corridas de rua e trail.

Ficou legal o vídeo da organização e espero que a partir dos erros cometidos neste última edição não haja mais os mesmos erros infantis na próxima etapa. É o meu desejo para O Rei da Montanha e todas as provas trail que a organizadora realizar.


Written by Felippe Maranhao

May 21st, 2014 at 10:49 pm

Posted in Adventure

Treinos da Semana na palma da mão!

without comments

Capa da App da ProRunning

Não vou negar que fiquei empolgado com o App que criei para facilitar minha vida e a de meus amigos. Parece tudo mais simples agora tornando o trabalho menos burocrático e, consequentemente mais atraente para mim que tenho o trabalho/hobby de levar as informações sobre o mundo da corrida e dos esportes para a internet (e smartphones agora).

O mais interessante do aplicativo é que eu pude pensar numa forma de mandar os treinos semanais sem precisar enviar por email, uma vez que não estava dando muito certo com os meus alunos e amigos. Nunca viam ou esqueciam devido à correria do dia-a-dia, então chegavam no local para treinar e tinham esquecido o que era para ser feito. Usando o aplicativo tudo fica mais fácil porque carregamos o celular para qualquer canto, inclusive para escutar música durante o treino. Sendo assim, está na palma da mão uma cola.

Ainda coloquei um mural para me questionarem quando quiser assuntos sobre esportes, coloquei a aba dos eventos em que correremos em equipe (assim organizaremos o evento com mais cuidado sem deixar escapar datas de pagamentos de inscrições, acomodações para provas fora de SP, etc), as redes sociais, fotos, contato, etc.

Facilito a vida de vocês e vocês facilitam a minha vida! Aproveitem e bons treinos!

Download gratuito: http://app.vc/prorunning


Written by Felippe Maranhao

May 20th, 2014 at 11:26 pm

Aplicativo ProRunning e Equipe ProRunning no WhatsApp.

without comments

Engraçado como há 5 anos atrás quando eu comecei a trabalhar com treinamento de corrida tudo era muito mais difícil para se comunicar na última hora antes dos treinos. Sempre há algum imprevisto em algum momento da carreira da assessoria, como uma simples chuva mudando o local de treino do dia. Era difícil entrar em contato por fone ou mandar SMS, isso porque as vezes o aluno deixava o celular no carro e estava no meio do caminho para o ponto de encontro.

A tecnologia mudou e graças aos smartphones a vida de nós treinadores melhorou demais no quesito comunicação. Muitas pessoas usam seus smartphones para escutar música durante o treino, então uma ligação de última hora sempre dá certo. Os SMSs foram extintos praticamente pelos Apps, então discutir diversos tópicos ficou extremamente fácil com nossos amigos e alunos. Sempre usei as redes sociais para ter a comunicação direta com meus amigos de corrida e alunos, então agora ficou um pouco mais fácil porque disponibilizei o aplicativo da ProRunning para baixar em IPhone e Android. Tome nota:

http://app.vc/prorunning

Clique na página diretamente do seu smartphone e o download iniciará automaticamente. Lá você encontrará os links para o Facebook e Twitter, principais canais de comunicação que utilizo e atualizo informações de última hora para treinos e provas. Fiz também um grupo destinado somente à assuntos sobre eventos esportivos no WhatsApp, portanto, se houver interesse, é só se identificar com o logo acima que tenho em todas as redes sociais e também nos aplicativos.

E vamos mantendo contato então!


Written by Felippe Maranhao

May 19th, 2014 at 11:56 pm

#GuaranisRace: inscrições com descontos para equipes com 5 integrantes.

without comments

Isso é uma convocação para quem quer fazer Trail Running em uma aldeia indígena em Boracéia/SP. A empresa organizadora está dando descontos para equipes com mais de 5 integrantes, então eu e uns amigos decidimos participar do evento que acontecerá no sábado (21) de Junho. Trata-se de uma corrida de percurso plano (bastante diferente do O Rei da Montanha – que contém várias subidas) de 13k.

O interessante é que haverá 2 travessias durante a prova, ou seja, um pouco diferente do que estamos acostumados a participar nas regiões de Mogi das Cruzes e Campos do Jordão. Haverá 2 travessias: uma em um tronco e outra em um rio com água na altura da canela. O site já informou que não haverá pontos de hidratação, desta forma, podemos nos programar para levar nosso próprio fornecimento.

Índios estarão espalhados pelo percurso para sinalizar o caminho da prova, então estaremos inseridos no habitat dos índios por completo (algo realmente diferente para muitos de nós). Eu e meus amigos estamos montando a equipe de 5 a 10 pessoas para organizar acomodações, alimentação, etc.

Interessados por favor entrar em contato comigo pelas redes sociais:

  • Página da ProRunning no Facebook;
  • Página da ProRunning no Twitter;
  • ou pelo meu e-mail: felippe@prorunning.com.br

Obs.: Fecharemos nossa equipe até o final da semana que vem dia 24/05 para efetuarmos o pagamento da inscrição ainda no primeiro lote com descontos.


Written by Felippe Maranhao

May 17th, 2014 at 11:40 am

Posted in Adventure,Corrida

As 6 Maiores Maratonas do Mundo: Tokyo Marathon.

without comments

A história da maratona de Tóquio é bem mais recente do que as demais. Oficialmente disputada desde 2007, é uma prova mista. Mas por que me preocupei em falar que ela é uma prova mista? Porque antes de 2007 havia uma prova só masculina e uma só feminina. Lógico que não são disputados na mesma largada, mas antes a maratona só tinha inscrições para homens, e outra prova em outra data era destinada às mulheres. Coisas da cultura japonesa!

Desde 2007 então os japoneses resolveram juntas as duas maratonas distintas independente do sexo, foi oficializada a maratona de Tóquio que atualmente conhecemos. A antiga maratona de Tóquio feminina começou a ser disputada em Yokohama, como Maratona Internacional Feminina de Yokohama.

A partir de 2013 a maratona de Tóquio entrou para o seleto grupo World Marathon Majors, fazendo parte assim das maiores e principais maratonas do mundo. Se você tem interesse de disputar essa maratona, programe-se para sair de férias em fevereiro, mês de sua disputa. Há também uma prova de 10k que acontece simultaneamente com os 42.195k, caso não esteja condicionado para uma maratona e queira assim mesmo visitar o país e fazer parte do evento.


Written by Felippe Maranhao

May 17th, 2014 at 11:01 am

Posted in Corrida,Guia Fitness

Adventure Sports Fair | 15 a 18 de Maio no Ibirapuera.

without comments


Tirei fotos com o celular porque fui pego de surpresa no Ibirapuera hoje à noite durante os treinos. Começou a Aventure Sports Fair! Essa feira é bem legal para quem curte esportes de aventura em todas as suas ramificações. É possível encontrar várias itens esportivos como tênis, relógios, skates, caiaques, pranchas de surf, vestuário adventure, etc.

Tem um setor destinado à promoção de eventos esportivos adventure como corridas em montanhas, entre outros eventos esportivos da categoria. Acessórios para carros como suportes para bikes da marca sueca Thule (muito boa), tênis para Trekking e Trail Running da Salomon com 20% de desconto, vestuário da Columbia, relógios da G-Shock de diversos modelos, câmeras de ação da Mormaii (isso mesmo meu caro, a Mormaii tá arrebentando nos esportes radicais e investe forte para concorrência com GoPro e Sony).

Outros setores mostram muitas barracas para camping e adaptações de motor home em pickups de grande porte e jipes. Nesta mesma área tem quadriciclos importados que é bem legal para tirar uma foto como recordação!  Um stand de bikes bem diversificado também e longboards fora de estrada.

É possível fazer rapel e tirolesa (apesar da pouca altura), andar de snowboard em pista estilo a de São Roque, fazer mergulho com equipamentos profissionais em tanque improvisado, andar em slackline e tem ainda uma pista de skate para suar um pouco. Acho bem válido esse tipo de feira para promover os esportes de aventura e as marcas que melhoram cada vez mais seus produtos e facilitam nossa vida de aventureiros. Vale muito a pena ir!

Ponto forte

  • Como citei lá em cima, a marca Mormaii está arrebentando!!! Tenho respeitado muito a Mormaii por estar cada vez mais exportada, ou seja, ela é o carro-chefe das marcas brasileiras de esportes radicais que frequentam os principais eventos esportivos do mundo à fora. Patrocina vários atletas de elite bem conceituados e leva o nome do Brasil com muito respeito lá fora. Os produtos estão cada vez melhores desde seus investimentos de peso no ramo adventure. Comprei um souvenir que só é encontrado na gringa: uma pulseira chamada Survival que tem multi-funções para esportes outside (a pulseira torna-se uma corda que aguenta até 250kg, dá pra acreditar nisso?!). A Mormaii fez sua própria câmera de ação como a GoPro e a Sony – preço mais acessível do que as concorrentes.
  • A Salomon trouxe seus modelos para vender na feira. Uma bela gama de tênis de trekking, trail running e montanhismo. Não perca a oportunidade de verificar!

Ponto fraco

  • Não tem a Timberland lá, minha marca favorita de vestuário adventure e as melhores botas do mundo!!! Fiquei chateado por não ter a Timberland, mas também nem tanto assim, porque senão teria deixado uma cifra com vários números e zeros do cartão de crédito lá (rs). Sério, faltou a Timberland!

___________________________________

Lembrando também que o Canal OFF está representando muito bem a veiculação dos esportes radicais e adventure no canal fechado (Globosat). Consegui ver o multi-campeão de caiaque Pedro Oliva dando uma palestra sobre o making off de seu programa “Kaiak”, no OFF. Muito legal ver de perto um cara tão respeitado no mundo inteiro!


Written by Felippe Maranhao

May 15th, 2014 at 11:36 pm